Quanto custa criar um blog profissional? (saiba todos os valores a serem investidos)

Quanto custa criar um blog? Essa pergunta é importantíssima porque construir um blog profissional se mostra uma tarefa desafiadora. Afinal, várias aquisições importantes precisam ser feitas. Dentre elas: domínio, hospedagem, temas, plugins, etc.

Nesse artigo, te explicaremos passo a passo quais os valores a serem investidos para criar um blog profissional. E, com isso, te daremos opções considerando a economia máxima ou o extremo profissionalismo.

Dependendo, claro, das suas necessidades e de quais objetivos pretende conquistar com o blog que está criando. Fique tranquilo que ao final desse conteúdo será mostrado:

  • Quanto custa criar um blog profissional.
  • Como economizar ao criar um blog.
  • Como investir de maneira certa o seu dinheiro, ao ponto de ter o mais alto nível de profissionalismo.

Dito isso, vamos ao conteúdo.

Quanto custa criar um blog?

Criar um blog pode ser totalmente de graça, já até falamos disso aqui, ou exigir alguns reais investidos. O que diferencia esses dois fatores é o nível de profissionalismo que deseja.

quanto custa criar um blog

Por exemplo, com o Blogger, plataforma de blogs da Google, se consegue em poucos minutos ter um site inteiramente configurado, otimizado e pronto para receber conteúdo. O mesmo funciona para a WIX e WordPress.com.

No entanto, criar um blog sem gastar nada pode gerar alguns problemas que vão te atrapalhar no futuro. Explicaremos abaixo quais são eles.

Quanto custa criar um blog profissional: todos os valores

Para facilitar o entendimento dos valores a serem investidos, vamos separar os investimentos em 3 categorias:

  • O mínimo possível para ter um bom blog.
  • O necessário para ter um blog de alta qualidade.
  • O essencial para ter um blog completamente profissional.

O mínimo possível para ter um bom blog

Nesse tópico, abordaremos quanto custa criar um blog da forma mais econômica possível. É, sem dúvidas, a opção mais recomendada para iniciantes.

valores para ter um bom blog

Domínio nacional

Um nome de domínio é o conjunto de caracteres que representa "o nome do seu blog". Por exemplo, como já dito antes, o domínio desse site é criandoblogs.net. Esse domínio pode ser de várias categorias como o .com.br (o mais conhecido), .net, .art, .gov.

Para registrar um domínio nacional, ou seja, um .com.br, é necessário investir R$40 por ano. Valor esse muito pequeno, se for levar em consideração que vale 3 reais e 33 centavos por mês (porém, infelizmente ele é pago de forma anual mesmo).

O registro do domínio é feito pelo Registro.br, órgão responsável por essa tarefa. Basta acessá-lo, criar sua conta, escolher o domínio e vinculá-lo a sua hospedagem.

WordPress

O WordPress é um CMS (Content Management System, ou sistema de gestão de conteúdo). É através dele, por exemplo, que se pode criar postagens, adicionar usuários e instalar plugins. Embora existam outros CMSs, ele é superior justamente por ter uma boa base de usuários e permitir que suas funções sejam otimizadas através de aplicações extras.

Essas aplicações são plugins que podem, por exemplo: adicionar ícones de redes sociais, acelerar o carregamento do seu site ou criar uma loja virtual em segundos.

O melhor de tudo é que o WordPress é 100% gratuito, só precisa baixar e enviá-lo para um servidor da sua preferência (falaremos sobre isso logo a seguir). No entanto, é importante não confundir o WordPress.org (que é gratuito) com o WordPress.com (que tem uma versão gratuita, mas é usado em maioria para recursos pagos).

Hospedagem

Um provedor de hospedagem é uma empresa contratada para deixar o seu site online na internet. Normalmente, os valores tendem a ser baratíssimos. A Hostinger possui planos a partir de 7 reais por mês, algo muito acessível, desde que se assine o plano de 48 meses.

Como estamos lidando com "o mínimo possível para ter um bom blog", o plano mais barato já te garante o desempenho necessário para ter o seu site com uma velocidade ideal.

No entanto, para fins de uma simulação mais real, vamos focar no plano Hospedagem Premium da Hostinger no valor mensal, em que sai a R$ 36,99 por mês.

Saiba também os 9 passos para escolher a melhor hospedagem para seu blog.

Tema

O tema do seu site é, em resumo, a aparência dele. É possível comprar diversos templates, se for da sua vontade, mas o próprio repositório oficial do WordPress tem mais de 5000 temas gratuitos disponíveis. Esses temas são funcionais e tem uma qualidade garantida pelo próprio CMS, embora percam muito em qualidade se comparado a temas profissionais.

Logo, o total dessa categoria ficou em:

Domínio nacionalR$ 40/ano (equivalente a R$ 3,33/mês)
Hospedagem de blogR$ 36,99/mês
TemaGrátis
WordPressGrátis
TotalR$ 40,32 por mês

O necessário para ter um blog de alta qualidade

valores para ter um blog de alta qualidade

Agora, focando em ter um pouco mais além do básico, veremos alguns investimentos relevantes para atingir um patamar mais alto com seu blog.

Domínio nacional e internacional

Ao invés de registrar apenas um nome de domínio, o ideal é que sejam registrados dois. O .com e o .com.br. Assim, quem acessar seu blog por um desses endereços, será redirecionado para o domínio padrão.

O valor do domínio nacional é R$ 40 por ano, como já foi dito. E o valor do domínio internacional é U$ 9 por ano, o que na cotação atual é o equivalente a R$ 46,49. Domínios registrados podem ser adquiridos no NameCheap.

Se formos dividir os dois valores por ano (lembrando que isso é apenas para a simulação que estamos fazendo), o valor a ser investido é R$ 40 + R$ 46,79 = R$ 7,23 por mês.

Tema premium

Temas premium podem ser comprados em lojas como a ThemeForest. Como cada tema possui suas especificidades e valores, vamos colocar o valor de U$ 50, o equivalente a R$ 258 como padrão. Mas claro, existem temas mais baratos e mais caros. Felizmente esse valor é pagamento único (a não ser que opte por atualizações futuras do tema).

Claro, é possível usar temas gratuitos como dito no item anterior, mas temas profissionais possuem:

  • Suporte do criador: em que se pode entrar em contato caso qualquer problema aconteça. Entretanto, lembre-se que esse contato é em inglês.
  • Qualidade muito superior: uma vez que ele foi feito para obter lucro.
  • Plugins profissionais inclusos.
  • Diversos modelos de página inicial, portfólio, formulários de contato, dentre outros.

Vamos manter o valor de R$ 36,99 mensais para hospedagem, já que ela será necessária.

Na conta final, temos:

Domínio nacionalR$ 40/ano, equivalente a R$ 3,33/mês
Domínio internacionalR$ 46,49/ano, equivalente a R$ 3,87/mês
HospedagemR$ 36,99/mês
TemaR$ 258 (pagamento único)
WordPressGrátis
TotalR$ 44,19 / mês + R$258 do tema

Lembrando mais uma vez que estamos dividindo valores que normalmente são pagos em uma única vez com o objetivo de facilitar a demonstração da diferença de números.

O essencial para ter um blog completamente profissional

Por último, vamos mostrar os valores investidos para um ter um blog profissional ao extremo. Para isso, manteremos o domínio (nacional e internacional) e temas premium; sendo acrescentado:

quanto custa criar um blog profissional

Hospedagem VPS

Pensando em blogs mais robustos com alto tráfego ou até mesmo lojas virtuais, será necessário uma hospedagem VPS (Virtual Private Server). Assinando o plano de 48 meses da Hostinger, o plano VPS 2 custa R$22,99 por mês.

Acredite, esse é um valor "quase de graça" comparado ao que um servidor VPS pode oferecer. A performance recebida será surreal, levando em relação o valor investido.

Entretanto, para tornar a simulação mais real, vamos assinar o plano VPS 2 com recorrência mensal. O valor fica em torno de R$ 69,99.

Produção de conteúdo para blog

Se decidir terceirizar a produção de conteúdos, os valores são bem flutuantes. Em sites como a Workana, por exemplo, a produção de artigos varia entre R$ 5 e R$ 50, a depender da experiência do escritor, principalmente com SEO e WordPress.

Vamos estipular R$ 25 como a média de valor por artigo e 8 artigos mensais. O total fica em R$200 com produção de conteúdo escrito. Lembrando que o valor investido normalmente tem relação com a qualidade do conteúdo. É possível investir mais e ter mais qualidade ou investir menos e ter menos qualidade.

Produção de conteúdo para redes sociais

Os valores de Social Media iniciantes no Brasil giram em torno de R$ 300 por mês. Normalmente, em planos mais baratos assim, são cobertos apenas de 3 a 5 posts semanais.

É possível, claro, assumir essa parte, mas se decidir terceirizá-la, o ideal é procurar um social media experiente em marketing de conteúdo, visto que mais tráfego em redes sociais não significa necessariamente mais tráfego para seu blog ou até mesmo mais vendas.

Logo, vamos supor que encontrou um social media de experiência média com foco em converter seguidores em leitores do seu blog. O valor normalmente ficaria em torno de R$ 600.

Fazendo as contas, temos:

Domínio nacionalR$ 40/ano (equivalente a R$ 3,33/mês)
Domínio internacionalR$ 46,49/ano (equivalente a R$ 3,87/mês)
Hospedagem VPSR$ 69,99/mês
TemaR$ 258 (pagamento único)
Produção de conteúdo para blogR$ 200/mês
Produção de conteúdo para redes sociaisR$ 600/mês
WordPressGrátis
TotalR$ 877,19 / mês + R$258 do tema

Para investir esse valor em um blog, é necessário que ele esteja te retornando em dinheiro um valor superior. Sendo que nessa etapa, já se trata de um negócio e não apenas de uma simples página com aglomerado de conteúdos.

Por falar em negócios, veja a lista com nichos mais lucrativos esse ano.

Desvantagens de criar um blog sem gastar nada

Conheça as principais desvantagens de criar um blog sem realizar nenhum tipo de investimento.

Propagandas

Plataformas como a Wix mostram propagandas em seus planos gratuitos. Essas propagandas, além de atrapalharem a navegação do usuário, pode fazer com que o tráfego do seu site seja redirecionado para outros, ao ponto de perder visitantes e até mesmo clientes.

Ausência de domínio personalizado

Outro fator primordial que pode te atrapalhar ao criar um blog sem gastar nada é a ausência de domínio personalizado. Esse blog, por exemplo, se chama criandoblogs.net, mas se eu não tivesse comprado esse domínio (falaremos sobre valores logo abaixo) ele teria algum nome aleatório ou estaria em algum subdomínio de outro site.

Isso faz com que o seu conteúdo, que deveria ser pessoal, pareça genérico. Isso impossibilita o acesso ao seu blog através de um domínio personalizado e único.

Falta de performance

Empresas precisam de dinheiro para se manterem no mercado. Essa é uma lei dos negócios e dificilmente algo que te ofereça algo gratuito pode ter a mesma qualidade de um recurso pago. Logo, servidores ou domínios gratuitos vão te fazer sofrer com a falta de performance.

Ao invés do seu blog abrir em 2 segundos, ele abriria em 12, por exemplo, simplesmente por não ter optado por um bom plano de hospedagem. Sendo que eles são bem mais baratos do que se imagina.

Amadorismo

Não investir no seu blog o faz parecer amador para as outras pessoas. Ainda mais nessa época em que toda produção de conteúdo se tornou especializada e profissional. O público prefere, sem sombra de dúvidas, sites com:

  • Nome de domínio bem definido.
  • Layout de qualidade.
  • Hospedagem com muita velocidade.
  • Páginas bem construídas.

O problema de criar blogs investindo muito dinheiro

Da mesma forma que não gastar nada com seu blog, gastar muito dinheiro querendo torná-lo absurdamente profissional pode ser uma decisão ruim.

Uma vez que gastos exagerados não significam lucro ou uma quantidade massiva de visitantes. Investir dinheiro ajuda muito, mas isso precisa ser feito de uma maneira bem pensada. Focando principalmente no seu público-alvo + uma ótima estratégia de conteúdo.

Claro, alguns investimentos são necessários, outros opcionais. Mas todos precisam estar dentro dos seus objetivos com seu blog.

Ao pensar "quanto custa criar um blog" não se apegue totalmente a esses valores

Embora tenhamos feito simulações bem próximas da realidade, é possível economizar em algumas áreas em detrimento de outras.

Por exemplo, há a possibilidade de tomar conta das próprias redes sociais e produção de conteúdo para não contratar outras pessoas.

Ou então, é possível investir em um ótimo servidor, mas utilizar um tema gratuito. Sendo assim, se torna essencial avaliar que investimentos são importantes e vão te ajudar a chegar no próximo nível.

Dúvidas ao avaliar o custo para criar um blog

dúvidas sobre quanto custa criar um blog

Não consigo encontrar temas gratuitos com boa qualidade, o que faço?

Devido a quantidade enorme de temas gratuitos disponíveis, pode ser realmente difícil encontrar os melhores nesse quesito. Por causa disso, aconselhamos a leitura do artigo [TOP 55] Melhores Temas WordPress Gratuitos.

Com certeza, um dos temas da lista vai chamar a sua atenção ao ponto de notar que ele não perde nada para temas considerados profissionais.

Preciso mesmo usar o WordPress? E o Blogger?

Sim! Do ponto de vista da nossa equipe, a única forma de ter um blog minimamente viável (até mesmo por questões de SEO e plugins) é utilizar o WordPress.

O blogger tem a utilidade de te ensinar o que é um blog e como geri-lo de forma simples, mas quando se trata de qualidade, o WordPress é indiscutível. Além do mais, é gratuito. Logo, com um pouco de esforço se aprende a utilizá-lo e não se gasta um único centavo a mais para isso.

Preciso mesmo de um domínio internacional?

Não é algo obrigatório, mas é bom. Afinal, há o risco de alguém registrar o domínio internacional, o que te faria perder tráfego ou até ser "substituído" por um concorrente.

É um risco sério a ser eliminado por um pouco mais de R$ 40. Logo, se trata de um investimento baratíssimo que te poupará dores de cabeça no futuro.

Não tenho todo esse dinheiro para investir no meu blog. Qual a solução?

Comece do nível mais baixo, que necessita apenas de R$ 40,32/mês até chegar no mais alto. Investir um valor muito alto em um blog não consolidado pode gerar problemas futuros. Então o ideal é seguir cada degrau da maneira correta.

Encontrei planos mais baratos que a Hostinger, devo utilizá-los?

Sendo bem sincero, é possível utilizar a empresa de hospedagem que quiser, mas é com a Hostinger o maior custo benefício da atualidade.

Entretanto, o valor mais importante a ser investido é justamente esse no servidor. Ele é a "casa" do seu site. Qualquer problema na performance de um servidor pode fazer todo o resto do investimento ter sido em vão.

Esses valores vão ficar maiores no futuro?

Podem ocorrer reajustes, mas normalmente os mesmos valores tendem a permanecer os mesmos durante muito tempo. Por exemplo, o valor de registro de domínio era de R$ 30 de 2003 a 2017. E agora o valor está em R$ 40. Felizmente, não há nenhuma previsão de aumento.

Como posso economizar mais em servidores?

Provedores de Hospedagem como Hostinger e HostGator oferecem descontos se optar por um tempo maior de assinatura.

A Hostinger, no plano mais barato, na assinatura de 48 meses fica R$ 7 por mês. Imagine pagar só isso ao invés de R$ 36 por mês. No entanto, o investimento para isso é quando se tem certeza de que seu site permanecerá online por alguns anos.

Como posso economizar mais em domínios?

Da mesma forma que em servidores, é possível economizar em domínios se renová-los com antecedência. O Registro.br, por exemplo, oferece descontos consideráveis se registrar o domínio por mais de um ano.

Claro que isso depende da duração do seu projeto ou blog. Então é bom pensar bastante antes de assumir um valor desses.

descontos no registro.br

Como posso economizar mais em temas?

Existem algumas pessoas e "empresas" que vendem temas profissionais por valores pequenos como R$ 20. Esse parece ser um ótimo negócio, certo? Ao invés de pagar mais de R$ 200 em um tema profissional, com muito menos se tem o mesmo tema.

Infelizmente, isso é um péssimo negócio. Temas nulled normalmente vem com códigos maliciosos e vírus, esperando o momento exato para transferir o tráfego recebido para páginas que roubam dados.

Por isso, o ideal é não economizar no tema. Se o seu orçamento for limitado, opte por templates mais simples. É melhor do que colocar o seu site e seus visitantes em risco.

Conclusão: quanto custa criar um blog

No artigo de hoje, mostramos, com números, quanto custa criar um blog profissional, mostrando os principais valores a serem levados em consideração nessa tarefa.

Definimos também três níveis de investimento, te indicando exatamente o que investir, a depender do estado que seu projeto se encontra.

Esperamos, de verdade, que o conteúdo tenha sido útil. Qualquer dúvida, fique a vontade para falar nos comentários.

Um forte abraço!

Deixe um comentário

-

-

-

-

*Consulte condições no site

Ótima hospedagem por EXCELENTE preço.

-80